LTE

Linguística Teórica e Experimental

O grupo LTE conjuga a investigação em linguística teórica com metodologia experimental, baseada quer na recolha e análise criteriosa de dados de fala espontânea e de produção escrita, quer em juízos de aceitabilidade/gramaticalidade, quer em dados elicitados em tarefas de produção e compreensão offline e/ou com recurso a técnicas online. Os interesses centrais de investigação abrangem, assim, a arquitetura da gramática, comparando modelos teóricos em termos da sua realidade psicológica, assim como a compreensão dos fenómenos de variação intra e interlinguística e dos processos de aquisição de línguas nativas e não nativas. Genericamente, os grupos de trabalho estão organizados em torno de temas específicos das áreas da semântica, sintaxe, morfologia e fonética, que são explorados de várias perspetivas e em diferentes domínios: línguas maternas (adulta e em aquisição), línguas segundas/ estrangeiras e línguas de herança.


Coordenador:
Pilar Barbosa

Membros:
Investigadores seniores:
Cristina Flores; Maria do Carmo Lourenço-Gomes; Pilar Barbosa; Sílvia Araújo
Investigadores juniores:
Ana Cea; Ana Correia; Diana Oliveira; Isabel Joana Aguiar; Joana Zehner; Joaquim Castilho Cacumba; José Luís Lopes; Liliana Correia; Mário Biriate; Masayuki Yamada; Tânia Lopes Senra
Colaboradores:
Anabela Rato (UToronto); Ana Lúcia Santos (ULisboa); Cecile deCat; Celeste Rodrigues (ULisboa); Conceição Paiva (UFRJ); Eric Guinet (UPierre Mendès France); Esther Rinke (UFrankfurt); Letícia Almeida (CNRS); Leyre Ruiz Zarobe (UPaís Basco); Márcio Leitão (UFPB)