Manuel Rosa Gonçalves Gama

Edit

Contactos

Instituto de Letras e Ciências Humanas
Universidade do Minho
Campus de Gualtar
4710-057 Braga


E-mail: Erro: Browser não suporta Javascript


Categoria Profissional

Professor Catedrático


Actividade Profissional

Professor na Universidade do Minho


Qualificações Académicas

Licenciado em Filosofia, em 1981, pela Faculdade de Filosofia de Braga da Universidade Católica Portuguesa.

Mestre em Filosofia Moderna e Contemporânea, em 1985, pela Faculdade de Filosofia de Braga da Universidade Católica Portuguesa.

Doutor em Filosofia (especialidade de História da Filosofia e Cultura Portuguesas), em 1993, pela Universidade do Minho.

Título de Agregação, em 2002, pela Universidade do Minho.


Áreas de Investigação de Interesse

História da Filosofia e Cultura Portuguesas; Antropologia Filosófica; Fenomenologia e Filosofia da Religião.


Projectos de Investigação

Projecto de investigação pós-doc: «Percursos do Pensamento Religioso em Portugal: centúria 1850-1950 – Parte III».


Publicações

- "Percursos do Pensamento Religioso em Portugal (séculos XIX-XX)", Universidade do Minho, Centro de Estudos Humanísticos, Braga, 2005.

- "O Pensamento de Sampaio Bruno. Contribuição para a História da Filosofia em Portugal", Imprensa Nacional-Casa da Moeda, Lisboa, 1994.

- "O Movimento 57 na Cultura Portuguesa", Instituto de Língua e Cultura Portuguesa (colecção Biblioteca Breve), Lisboa 1991.

- [Em colaboração], Lúcio Craveiro da Silva, Manuel Gama, [et. al.], "A Evolução da Técnica e da Organização do Trabalho", Secretaria de Estado da Educação/Universidade do Minho, Braga, 1982-1983 e 1987(2ª ed.).

- «Sampaio Bruno: um percurso de heterodoxia», Cap. da obra História do Pensamento Filosófico Português, Direcção de Pedro Calafate, volume IV, Tomo 1, Editorial Caminho, Lisboa, 2004, pp. 211-236.

- (Organização e Introdução), A Geração de 70. Alberto Sampaio e os «Outros», Centro de Estudos Lusíadas, Universidade do Minho, Braga, 2008.

- (Organização e Introdução), Proudhon. No bicentenário do seu nascimento, Centro de Estudos Lusíadas, Universidade do Minho, Braga, 2009.

- «A Questão da Filosofia Portuguesa (Resposta à crise do final do século XIX e inícios do século XX», em Pedro Calafate, José Luis Mora García, Xavier Agenjo Bullón (Editores), Filosofía y Literatura en la Península Ibérica. Respuesta a la Crisis Finisecular, Fundación Ignacio Larramendi, Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, Associación de Hispanismo Filosófico, Madrid, 2012, pp. 123-142.


Orientação de Projectos de Pós-doutoramento

----


Orientação de Teses de Doutoramento

- (Coorientação), «O "ser português" e o "outro": Revisitar a História de Portugal no Diálogo com a Civilização Chinesa - o caso Tomás Pereira», do mestre Song Haoyan.
- (Coorientação): «O Humano e o Sagrado em Agostinho da Silva», da mestre Maria Teresa Rua do Nascimento Castro.
(coorientação): Pedagogia e Universidade em Agostinho da Silva, da mestre Adelina Maria Granado Andrês.


Orientação de Teses de Mestrado

- A Paideia de António Sérgio. Da Epistemologia à Antropologia, do Licenciado Jacinto Félix de Castro Neto, do Mestrado em Educação: área de especialização em Filosofia da Educação (Defesa em 1997/04/07, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Pensamento Educacional de Faria de Vasconcelos, do Licenciado António Augusto de Oliveira Cunha, do Mestrado em Educação: área de especialização em Filosofia da Educação (Defesa em 1997/12/03, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Pensamento Antropológico de Bernardino Machado, do Licenciado Joaquim Gomes Lima, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 1998/06/09, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Pensamento Estético em Vieira de Almeida, da Licenciada Graça Maria Dias Lopes, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 1999/02/09, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Sentimento Religioso em Sampaio Bruno e em Basílio Teles, da Licenciada Maria Teresa Nazaré Vieira C. Oliveira, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 1999/05/27, com a classificação de Bom com Distinção, por unanimidade).
- Positivismo e Antipositivismo no Pensamento de Oliveira Martins, do Licenciado Domingos António Madureira Correia, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 2000/06/20, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- A Ideia de Portugal no Pensamento de António Quadros, da Licenciada Maria da Conceição Machado da Silva Martins, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 2000/09/19, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Pensamento Religioso de Teixeira Rego, do Licenciado Vítor Manuel E. Lomba de Almeida, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 2000/10/13, com a classificação de Bom com Distinção, por unanimidade).
- Teixeira Bastos (1857-1902) e o Positivismo em Portugal. Diagnóstico dos problemas nacionais à luz do pensamento positivista, do Licenciado Arlindo António Vieira de Sousa, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 2000/11/07, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- Deus, o Mal e a História em Sampaio Bruno, do Licenciado Carlos Justo Ferreira Machado, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia Moderna e Contemporânea (Defesa em 2000/11/08, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- O Sentimento Moral e Religioso em Antero de Quental, do Licenciado Tiago Cristóvão Sá Cerqueira, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia Moderna e Contemporânea (Defesa em 2001/05/29, com a classificação de Bom, por unanimidade).
- O Portugal de Teófilo Braga na Europa, do Licenciado Paulo Manuel Ribeiro Miranda, do Mestrado em Filosofia: área de especialização em Filosofia em Portugal e Cultura Portuguesa (Defesa em 2001/12/20, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade)
- Miguel David Almeida Ferreira da Silva Pais, “O Sujeito Genial, o Enigma de Existir e o Último Irredutível. No labirinto pessoano entre pensamento, fingimento e loucura” (Defesa em 25/07/2007, com a classificação de Muito Bom, por unanimidade).
- [coorient.] Os valores da Família nos contextos português e chinês na atualidade: um estudo nas pessoas da faixa etária de 20 a 35 anos, da Licenciada LIAO YIRAN, do Mestrado em Estudos Interculturais Português/Chinês, com aprovação em prova pública, em 27-09-2012, com 19 valores.

- [coorient.] A Comunidade Chinesa em Portugal, da Licenciada DING NING, do Mestrado em Estudos Interculturais Português/Chinês, com aprovação em prova pública em 20-11-2012, com 17 valores.
- [coorient.]As Atitudes de Procriação e as Estruturas Familiares na China e em Portugal (1962-2012), da Licenciada XU MENGZE [Cristina], com aprovação em prova pública, em 15-10-2013, com 17 valores.
- [coorient.] Mestrado de CHEN RENYU [Leonardo], A Revolução Republicana portuguesa (1910) e a Revolução Xinhai da China (1911) – Análise comparativa dos aspetos positivos e negativos nas áreas de política e cultura social, com aprovação em prova pública, em 15-10-2013, com 18 valores.
- [coorient.] A comparação do conceito de amor nos “Analectos” de Confúcio e no “Novo Testamento”, da Licenciada XIAO YUERONG.